segunda-feira, 1 de fevereiro de 2010

1 de Fevereiro - Adão, O Homem que Esperava Deus

Ninguém pode falar mais de Deus do que Adão. Sinceramente, ninguém jamais desfrutou de um relacionamento tão profundo com Deus do que Adão. Além de ser obra criada pelas mãos do Todo-Poderoso (o que já é de imensa consideração), Adão conseguiu viver um período inédito e único com Deus que jamais foi concedido a qualquer outro ser mortal.
Cumprindo seu plano de trazer a existência aquilo que não existe, em sete dias Deus criou tudo o que hoje nossos olhos podem ver. Ele criou...
as árvores (mangueiras, pereiras, figueiras, cajazeiras, jambuzeiros, castanheiras, seringueiras, coqueiros, etc.)
os animais (macacos, antas, pacas, cutias, veados, búfalos, leões, hienas, zebras, cavalos, jumentos, cães, gatos, periquitos, papagaios, canários, bem-te-vis, curiós, baleias, tubarões, atuns, etc.)
as águas (cachoeiras, córregos, lagos, rios, mares, oceanos, etc.)
um paraíso (um lugar perfeito para receber tudo o que ainda estava na mente de Deus)
o homem (coroa de sua criação, mas não à parte dela - explico depois o que significa isso)
Mas faltava um ser que dominasse sobre tudo isso (daí o princípio de que a partir de duas pessoas, um deve ser líder), que estivesse ligado à criação, mas que estivesse também sobre toda a criação. Deus criou o homem, com um nome, Adão, literalmente "aquele que é feito da terra". Em meio a todos esses encantos, Deus constituiu a Adão como cabeça...
continua